terça-feira, 2 de setembro de 2014

AL : CINCO DÉCADAS DA LINHA GRUTA / CENTRO

ESPECIAL : CINCO DÉCADAS DA LINHA GRUTA / CENTRO.

POR GUSTAVO ALFREDO ALLBUS

030 - Gruta / Centro (Term. Novo Mundo), provavelmente você algum dia já teve que utilizar os serviços desta linha, também não é pra menos, são quase 4 décadas de viagens e horários cumpridos rigorosamente servindo o tradicional bairro de mesmo nome, na parte alta da capital Maceió. Mas vamos voltar um pouco no tempo, mais precisamente para a década de 60.
 
A Maceió que conhecemos hoje era muito diferente da que começou a sua expansão no começo dos anos 60. Restringia-se a grande faixa que hoje é popularmente conhecida como “parte baixa”, que ia do Pontal da Barra até o bairro de Jaraguá, com algumas peculiaridades como o bairro de Bebedouro, tido como bairro das elites naquela época (algo equivalente a Pajuçara e Ponta Verde nos dias atuais).
 
Pois bem, com o crescimento para a parte alta eis que surge o bairro da Gruta de Lourdes, idealizado pelo patriarca da família Breda. Um bairro calmo, tranquilo, com muitas residências e alguns poucos comércios – ideal para quem queria fugir do já badalado e vizinho bairro do Farol. Com o progresso chegando à localidade os transtornos também começaram a aparecer e com isto logo todos começaram a se perguntar: Como sair daqui pro centro, sem uma opção de ônibus?. Ai então começa a história de uma das mais antigas linhas de ônibus de Maceió.
 
Ainda na década de 60 a Autoviária São Braz fazia parte do sistema e deu início ao transporte de passageiros ligando o bairro até o centro da cidade, já utilizando um projeto da avenida Fernandes Lima que diferia totalmente do que conhecemos hoje. A partir da segunda metade da década de 70, com a chegada da empresa Real Alagoas, foi que a linha se tornou mais utilizada pela população. É também a partir deste momento que ela passa a ganhar mais enfoque da empresa que visava atender a mais usuários, tendo em vista o crescimento do bairro e por ter sido, durante muito tempo, a única opção ligando a região à parte central maceioense.
 
Durante quarenta anos ininterruptos o ponto final da linha foi a localidade conhecida como Grutão, uma rua próxima ao que hoje se encontra o Hiper Bompreço do bairro. A partir do ano 2000 a linha teve seu itinerário alterado e subdividido. Seis ônibus faziam o percurso diariamente, três com o terminal no bairro do Ouro Preto e três no bairro do Novo Mundo. Logo depois o ramal do Ouro Preto foi encerrado, continuando apenas com o do Novo Mundo.
 
No mandato do prefeito Cícero Almeida algumas linhas de ônibus foram extintas e a antiga 029 Avenida Rotary / Centro estava nesse meio. Para cobrir o buraco deixado por esta a 030 passaria a ser via Rotary, permanecendo assim até os dias atuais.
 
Hoje a linha conta com uma frota de cinco veículos (três deles adaptados para deficientes físicos) e opera com uma frequência de 15 minutos nos horários de pico.
 



FONTE  :  WWW.PORTALLBUS.COM
FOTOS  :  MÁRIO CUSTÓDIO / RAMON ANGELO / THIAGO ALEX / WILLIAN PONTUAL

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

RS : LINHAS DE ÔNIBUS SOFREM ALTERAÇÕES EM CAXIAS DO SUL.

AS MUDANÇAS SÃO EM SETE LINHAS.

As alterações em sete linhas de transporte coletivo iniciaram neste sábado em Caxias do Sul, na Região da Serra do Rio Grande do Sul. Esta é mais uma de uma série de mudanças que compõe a integração do SIM - Sistema Integrado de Mobilidade.


Os ônibus agora vão converter à esquerda da Rua Marechal Floriano para a Pinheiro Machado.  Antes, as linhas contornavam o quarteirão seguindo até a Bento Gonçalves e acessando a Pinheiro pela Garibaldi. O semáforo do cruzamento com a Pinheiro Machado passa a funcionar em três tempos.  Um sensor vai acionar o tempo exclusivo da faixa especial apenas quando tiver ônibus aguardando para a conversão.

Com a mudança, as paradas da Rua Bento Gonçalves esquina com a Rua Garibaldi e da Estação Pompéia na Pinheiro Machado foram extintas. O embarque e desembarque é feito agora apenas na Rua Marechal Floriano.

Ainda estão previstas mais mudanças, como a retirada de estacionamentos em duas ruas e também alteração nas linhas de ônibus que passarão a integrar estações de transbordo e acelerar o trajeto de bairros mais afastados ao Centro.

Na segunda quinzena de setembro devem começar as obras nos corredores de ônibus da Pinheiro Machado e a proibição das conversões na via nas esquinas da Marechal Floriano e Visconde de Pelotas.
Confira as linhas que mudam:

L.08 Medianeira / Libertá
L.14 Desvio Rizzo / Vila Romana
L.24 Forqueta / Tirol
L.44 Cidade Nova
L.48 Santa Tereza
L.55 Cidade Industrial
L.69 Parque das Rosas / Vila Amélia

Informações : G1 RS
Fonte  :  Blog Meu Transporte


NOVO TORINO É PREFERÊNCIA NA EMPRESA VITÓRIA.

A NOVA GERAÇÃO DO TORINO CONTINUA CHEGANDO NO CEARÁ.

Por Fortalbus

A nova geração do Torino continua chegando ao Ceará através da Vitória, que foi a primeira empresa de ônibus do norte nordeste a receber a novidade. Na Empresa, o modelo Torino é o veículo padrão em sua moderna frota, que sempre renovando com Marcopolo, aguarda a chegada de mais cinco unidades com os prefixos 273, 274, 275, 276 e 277.



A confiança do chassi Mercedes-Benz OF-1721 Euro 5, já presente na frota, garante segurança para o operador, que agora também passa a contar com a funcionalidade do novo painel multiplex, que integra funções de computador de bordo numa tela LCD de 3,5 polegadas à prova de poeira e água. A abertura das portas, por exemplo, agora são acionadas através de um simples toque.



Em sua configuração interna, mais conforto para os passageiros através dos assentos estofados de encosto alto e de cor azul, são 38 lugares no total. As novas portas com 1250mm de largura, possuem grande área envidraçada e a cor preta em todo seu acabamento. 

FONTE  :  FORTALBUS.COM
FOTOS  :  PEDRO HENRIQUE QUEIROZ


domingo, 31 de agosto de 2014

OS CITMAX DA CIONE.

OS ÔNIBUS DE APLICAÇÃO URBANA FORAM OS ÚLTIMOS MODELOS A TRAZER A DENOMINAÇÃO CIFERAL.

Por Fortalbus


Produzido entre os anos de 2003 e 2007, o ônibus de aplicação urbana Citmax foi o último modelo a trazer a denominação Ciferal, que mesmo após ser adquirida pelo Grupo Marcopolo, seu tradicional nome relacionado a fabricação de carrocerias, manteve-se no mercado com uma linha diferenciada de produtos voltada para o segmento urbano.

No Ceará, o Citmax esteve presente em várias empresas de transporte coletivo urbano e metropolitano, confirmando assim o sucesso de uma carroceria projetada com o know-how Marcopolo. Além destes segmentos, o modelo também se apresentou como uma boa opção para o transporte de funcionários.


Neste setor, um dos exemplos aqui mesmo no Ceará é com a Cione, Companhia Industrial de Óleos do Nordeste, uma das quatro maiores exportadoras de amêndoas de castanha de caju do Brasil e que possui cerca de 3 mil funcionários, distribuídos entre a fábrica e fazendas.

A Companhia disponibiliza transporte exclusivo, composto por uma frota de ônibus Citmax. Todos os veículos, de fabricação 2006, possuem chassis Volkswagen 17.210, que equipados com duas portas, possuem uma característica curiosa, a bancada de cor amarela original de fábrica. A frota pode ser vista no interior do estado, na região de Aracati e Beberibe, principalmente nas margens da BR-304 onde estão localizadas algumas de suas fazendas.



O Citmax surgiu com a proposta de ser um veículo leve e de baixo custo operacional para os frotistas, especialmente desenvolvido para o transporte coletivo urbano. Uma das principais vantagens do Citmax em relação aos modelos comercializados no mercado nacional era sua economia de combustível. Nos testes aerodinâmicos, o modelo comprovou seu menor custo operacional em aplicação urbana registrando consumo de combustível 24% menor que a média dos demais veículos similares.

FONTE  : FORTALBUS.COM
FOTOS  :  KENNETH DERI EVANS


MACEIÓ : SMTT AMPLIA LINHAS DE ÔNIBUS NA PARTE ALTA.

SMTT AMPLIA LINHAS DE ÔNIBUS NOS CONJUNTOS RAYOL , NOVO JARDIM E CIDADE SORRISO 1, E REATIVA LINHA 068 - COLINA / CENTRO.


 Desde sábado (30) moradores da parte alta de Maceió passam a contar com mais opções para viagens de ônibus. A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito, em parceria com as empresas de ônibus, fez a otimização de algumas linhas que atendem a conjuntos mais distantes da cidade.
Uma das melhorias está nos conjuntos Jardim Royal e Novo Jardim, localizados na Cidade Universitária. Neste sábado, as linhas Eustáquio Gomes / Centro (049), Eustáquio Gomes / Iguatemi (607) e Eustáquio Gomes / Ponta Verde (706) têm o itinerário estendido e passam a ir até o final dos conjuntos nos trajetos de ida e volta.
Já no Benedito Bentes, moradores do Conjunto Cidade Sorriso I contam com mais um ônibus até o terminal integrado. Também, a partir do sábado (30), a linha Benedito Bentes / Mercado via Feitosa (217) sairá diariamente do Cidade Sorriso com a primeira viagem a partir das 4h30.
De acordo com a Superintendência, a medida visa atender uma reivindicação da população que vinha enfrentando problemas no transporte da região. “Estamos, na medida do possível, atendendo as solicitações que chegam até a SMTT para melhorar o sistema de transporte público em Maceió. Não é um processo simples, pois temos que fazer os estudos técnicos e ver a viabilidade operacional junto às empresas”, explicou o diretor de Planejamento da SMTT, Jorge Bezerra.

Reativação da linha Colina / Centro

A SMTT também anunciou a reativação da linha Colina / Centro (068), a partir deste sábado, 30. Quatro novos ônibus da Viação São Francisco, todos adaptados para pessoas com deficiência, voltam a circular saindo do conjunto Colina dos Eucaliptos com o trajeto passando pela Santa Amélia, Chã do Bebedouro, Praça Lucena Maranhão e Ladeira do Calmon.
A linha segue por toda a Avenida Fernandes Lima até o Centro pela ladeira Geraldo Melo, Instituto Federal de Alagoas (Rua Barão de Atalaia), Santa Casa de Misericórdia de Maceió (Rua Pedro Monteiro) e retorna pela antiga Praça da Independência (antiga Praça da Cadeia), Praça dos Palmares, Sesc Poço e sobe novamente pela Geraldo Melo com destino ao Sanatório, Ladeira do Calmon até o Colina dos Eucaliptos.

“A implantação desta linha traz de volta a opção para que os usuários do transporte se desloquem entre a parte baixa e alta da cidade pela Ladeira do Calmon. Foi desativada na gestão passada, mas intercedemos para que fosse novamente implantada visto à necessidade e à política de incentivo ao uso do transporte público da Prefeitura como meio mais barato para se locomover”, disse o superintendente da SMTT, Tácio Melo.
Nicollas Albuquerque /Ascom SMTT