sexta-feira, 29 de maio de 2015

RECIFE TEM LINHAS 24 HORAS A MAIS DE 25 ANOS.

RECIFE TEM LINHAS 24 HORAS A MAIS DE 25 ANOS, HOJE FUNCIONAM 42 LINHAS NA MADRUGADA.

Se em algumas cidades os serviços de transporte param literalmente no fim da noite, algumas outras cidades começam a ofertar o serviço nas madrugadas.


No caso de Recife, os usuários de transporte coletivo contam com este serviço a mais de 25 anos e recentemente algumas linhas tiveram acréscimo de viagens nos finais de semana, onde a procura pelo serviço aumenta um pouco mais devido a shows e passeios noturnos pela cidade.

Hoje funcionam 42 linhas nas madrugadas, são os chamados Bacuraus, na qual atendem mais de 4 mil pessoas em boa parte dos bairros da Região Metropolitana.

O terminal de ônibus do Cais de Santa Rita, no bairro de São José é o principal ponto das 42 linhas, onde os ônibus saem sincronizados com destinos a seus bairros de origem.

Confira as linhas e seus respectivos horários:




Com informações do GRCT
Blog Meu Transporte



terça-feira, 26 de maio de 2015

OS PRIMEIROS NEWS TORINOS DA PARAÍBA.

DANDO CONTINUIDADE NA RENOVAÇÃO EM 2014, TRANSNACIONAL ADQUIRIU O TORINO 2014 , OS PRIMEIROS DA PARAÍBA .

Fonte : Portal Ônibus Paraibanos 
Fotos : Roberto Marinho de Souza



Dando continuidade a renovação em 2014, a Transnacional recebe mais algumas unidades do Marcopolo Torino. Diferente das demais aquisições para as empresas do Grupo A.Cândido, que receberam a versão 2007 do modelo urbano mais vendido da Marcopolo, a Transnacional recebeu a versão atualizada do Torino, o New Torino, lançado no ano passado.

Apesar da evolução do modelo, o New Torino da Transnacional possui a mesma configuração interna tradicional dos últimos veículos adquiridos pela empresa nos últimos anos, seja o Marcopolo Viale ou o Marcopolo Torino.


As novidades da Transnacional são as primeiras unidades do New Torino do estado. Na região nordeste, nos estados da Bahia, Sergipe, Pernambuco, Ceará e Maranhão já existem unidades do modelo.





EU ERA ASSIM, ESTOU ASSIM : SVELTO DA MANDACARUENSE.

SÉRIE EU ERA ASSIM , ESTOU ASSIM ; SVELTO DA MANDACARUENSE.

Fonte :  Portal Ônibus Paraibanos
Matéria / Texto : JC Barboza / Jefferson José
Fotos : Jefferson José



No final de abril de 2014, a Mandacaruense adquiriu dois ônibus do modelo Comil Svelto com o chassi Mercedes-Benz OF-1418/52 que faziam parte da empresa Santa Cruz. Os veículos já receberam o layout da empresa paraibana e em breve já estarão a disposição dos usuários da empresa.

Um dos veículos, o antigo 987 da Santa Cruz,  só falta ser numerado e receber a nomenclatura da empresa, visto que o layout da Mandacaruense já foi aplicado ao veículo.


O antigo 987 ainda com o layout da empresa Pernambucana: 




Já com a pintura da Mandacaruense:



Os novos veículos serão numerados como 0430 e 0435.


DE ONDE VEIO ? ANDARE CLASS DA LOPES TUR.

TRAZEMOS MAIS UM ESPECIAL DO GRUPO MOB CEARÁ , O DE ONDE VEIO , DESTA VEZ TRAZEMOS UM ANDARES CLASS DA LOPES TUR.

A Lopes Tur, empresa do setor de fretamento do estado do Ceará, possui em sua frota, um dos veículos que pertenciam a Litorânea Viagens, que atua no fretamento cearense e em linhas intermunicipais do estado do Maranhão.


O veículo rodoviário que foi adquirido há pouco tempo, possui o modelo Marcopolo Andare Class e chassi Volkswagen 17-210 EOD, com ano de fabricação 2006, e possuía na anterior empresa o prefixo 024. O ônibus operou por muito tempo nas linhas intermunicipais cearenses.



Agora na Lopes Tur, o ônibus recebeu o prefixo 5582054, mas, por enquanto, ele permanece com as características visuais da Litorânea Viagens. Confira como ele ficou:


Fonte : MOB Ceará
FOTOS  :  Kenneth Deri Vans / Leandro Sousa / Vieira Santos 



segunda-feira, 25 de maio de 2015

SÉRIE GRANDES MARCAS : VIAÇÃO NORDESTE - PARTE 4.

EM 2015 A VIAÇÃO NORDESTE COMPLETA 50 ANOS DE EXISTÊNCIA E ESTÁ SENDO HOMENAGEADA NA SÉRIE GRANDES MARCAS DO TRANSPORTE.

Por Fortalbus


Uma grande renovação da frota ocorre durante a década de 1990, reflexo de novas tecnologias e novidades que chegavam às fabricantes de carrocerias e montadoras nacionais. O investimento na aquisição de ônibus diferenciados e com terceiro eixo eram destinados as suas principais linhas interestaduais.


Também é nesta época que o ar condicionado passa a equipar a frota, item indispensável no serviço executivo e que proporciona viagens mais confortáveis aos passageiros. Os ônibus da marca Volvo foram responsáveis por grande parte dessa renovação, que com o bom desempenho do chassi B10M em suas operações, apostou no B12 para sua sucessão, primeiro veículo com motorização traseira da marca e que trouxe inovações a esta categoria. 

No fim dos anos 90, são incorporados os primeiros Comil da frota, entre eles, também os primeiros micros para linhas intermunicipais. Após o grande investimento nas renovações com Volvo naquela década, a primeira aquisição no século XXI da empresa potiguar surpreende pelo tipo inédito de veículo que passava a compor sua frota, eram os primeiros ônibus “Double-Deckers” da Viação Nordeste.


Também com Volvo e carroceria Busscar, as duas primeiras unidades foram equipadas com o que havia de mais avançado em conforto na época, até mesmo musica ambiente e filmes estavam a disposição do passageiro. No conceito mix de serviço, os DD’s tinham poltronas executivas no piso superior e leito no inferior. Mais tarde, também foram acrescidos outros dois Double-Deckers Marcopolo com quatro eixos.


Com o passar dos anos e um bom período sem renovações, alguns dos veículos receberam reformas e transformações na carroceria, acompanhado de algumas alterações na pintura e renumerações de prefixos. Dentre essas mudanças, de vários modelos e configurações, uma surpreende pela transformação quase que completa, um Nielson Diplomata B10M que ganhou ares de Jum Buss 380.


FONTE  :  fortalbus.com.br
FOTOS  :  Eduardo Duarte / Luciano Formiga

MINI PAIXÃO : SÃO PAULO 076.

MINI PAIXÃO
SÃO PAULO 076


No Mini Paixão de hoje, você vai conhecer a miniatura do busólogo Euclides Vaz, membro do grupo MOB Ceará em Fortaleza.


O carro, homenageado através da miniatura de Euclides, foi um dos mais novos veículos adquiridos pela empresa São Paulo, que faz a linha Fortaleza/Maranguape, o Marcopolo New Torino com chassi Mercedes-Benz OF-1519 e prefixo 0331076.


A réplica foi construída pelo artesão Sérgio Maciel, de Caucaia, e foi a primeira miniatura que o Euclides adquiriu. Segundo Euclides, a miniatura foi encomendada devido a grande admiração que o mesmo tem pela empresa São Paulo, desde seu zelo com os veículos quanto a sua pintura, que para ele é uma das mais bonitas entre as empresas do setor metropolitano.



Confira a miniatura destaque de hoje:






Fonte: MOB Ceará
Foto  : Wenderson Soares



EMPRESAS / PRINCESA DOS CAMPOS.

EMPRESAS / PRINCESA DOS CAMPOS , HÁ 80 ANOS INOVANDO SEM PERDER O SEU DNA.

Fonte : Juntos a bordo
Fotos : Divulgação


Completando 80 anos de existência em 2014, a Princesa dos Campos foi fundada em 1934 pelo casal Rosa e Pedro Mezzomo. A empresa conta com um currículo marcado por inúmeras conquistas, serviços cada vez melhores e muitos planos para o futuro.

A Princesa dos Campos é um exemplo de empresa familiar que continua dando certo e que tem como um dos seus diferenciais, desde a fundação, absorver o novo sem nunca perder o seu DNA. Já são oito décadas acompanhando e superando os mais diversos cenários políticos e econômicos do país e do mundo.


Hoje, a Princesa dos Campos conta com uma frota de 581 veículos, todos equipados com o que há de mais moderno em termos de tecnologia embarcada, a serviço do conforto e da segurança dos clientes. São 1.451 profissionais diretos nas 13 garagens da empresa, além dos indiretos.


Os investimentos da empresa estão distribuídos por vários outros setores, além da frota, intensificando as soluções tecnológicas para garantir o padrão de qualidade em todas as quase 100 linhas operadas pela empresa, entre os vários serviços em que atua.


De uma coisa não se tem dúvidas: em dúvida, dois dos maiores patrimônios que a Princesa dos Campos acumulou ao longo destes 80 anos são a experiência no segmento de transporte e a solidez de um nome que inspira a confiança e a fidelidade dos clientes, os quais sabem que podem contar com uma empresa preocupada com seu conforto e sua segurança. Temos orgulho de ter uma empresa com uma história tão longa e sólida como a Princesa dos Campos como uma de nossas associadas.


sábado, 23 de maio de 2015

EM CAMPINAS , TERMINAL MUDA SISTEMA DE OPERAÇÃO.

EM CAMPINAS, TERMINAL PADRE ANCHIETA MUDA SISTEMA DE OPERAÇÃO.

 Desde o dia 16 , o Terminal Padre Anchieta, em Campinas, abriu os portões laterais e se transformou em um terminal aberto. Com isso, a entrada de passageiros será livre, e a passagem paga apenas nos ônibus. A medida é para inibir a entrada pela faixa dos coletivos — e evitar acidentes — e impedir os passageiros que entram pela faixa de veículos e não pagam a passagem. Diariamente, passam pelo local 2 mil pessoas. 


A região do entorno do terminal tem grande movimentação de veículos e de ônibus. É comum as pessoas cruzarem pontos de tráfego mais intenso para acessar o terminal. Atualmente, a entrada era pela catraca principal, fixada no solo. No entanto, a entrada de veículos é larga e é possível passar por ela. 

Um funcionário, que pediu para não ser identificado, afirmou que, em média, cem pessoas por hora entravam pelas faixas de ônibus. Esse número caiu há 2 meses, quando dois seguranças foram colocados nas entradas para evitar o problema.

Segundo a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) e a Transurc, a mudança também deve auxiliar nos horários de pico, uma vez que formavam-se filas para o pagamento.

A partir do dia 16, o pagamento será feito com cartão eletrônico após o embarque no veículo. As alterações serão testadas por um período de 90 dias. Se forem aprovadas, serão implementadas em caráter definitivo. Para orientar os usuários sobre as mudanças, a Transurc e a Emdec estão distribuindo folhetos explicativos.

Após a transição, serão colocados funcionários para tirar dúvidas e orientar os usuários sobre as mudanças. Os passageiros afirmaram que a medida pode trazer benefícios, como a segurança, mas temem que cause confusão. “Muitos entram por fora para não pagar. Então, quando mudar, eles não vão gostar. Vai precisar de vigilância e orientação”, disse o assessor Daniel Toledo. 

A doméstica Andreia Jaqueline dos Santos, de 35 anos, afirmou que a mudança pode ajudar, mas que os portões podem facilitar aos usuários que não pagam. “As pessoas não têm consciência.Vejo muita gente que entra pela faixa do ônibus. Vai precisar de orientação e muita fiscalização”, disse.

Para a cozinheira Maria de Lourdes Lopes, de 63 anos, a abertura dos portões vai criar mais fila para entrar nos ônibus. “Acho que fica mais fácil para entrar no terminal, mas pode atrapalhar quem entra nos veículos. Quem vem atrasado, e quer correr, por exemplo”, disse. Ela utiliza o terminal para fazer a integração entre linhas.

O folheto da Emdec e da Transurc informam que os passageiros que fazem integração no Terminal Padre Anchieta devem entrar pela porta da frente dos ônibus, validar novamente o Bilhete Único e passar pela catraca. Quem não possui o Bilhete Único — há o Bilhete 1 ou 2 Viagens — terá que pagar novamente.


Por Sarah Brito
Informações : Correio Popular
Fonte  :  meutransporte.blogspot.com



sexta-feira, 22 de maio de 2015

ÔNIBUS EM DESTAQUE : SANTA CECÍLIA 36418.

Com status de ser o primeiro ônibus Volvo com motor dianteiro a operar no sistema urbano de Fortaleza, o 36418 iniciou suas atividades como ônibus de testes da marca sueca e, apesar de ter perdido o título de único ônibus Volvo B-270F em operação na capital, o ônibus ainda é único por diversos detalhes.



Na edição de hoje do MOB Ceará, o belo veículo da Viação Santa Cecília é o "Ônibus em Destaque".



O atual 36418 chegou na capital cearense com a pintura totalmente branca, como ônibus de teste sob responsabilidade da concessionária Apavel, que tinha a finalidade de apresentar o modelo de chassi Volvo com motor dianteiro entre as empresas do transporte urbano de Fortaleza.


Os testes iniciaram no mês de Julho de 2014, pela São José Transporte Urbano, que implantou o ônibus no sistema com o prefixo 12488. O veículo iniciou suas operações na linha 051 - Grande Circular 1, e permaneceu em testes na empresa por cerca de 15 dias.


Após o teste da São José, o veículo foi enviado para testes na Viação Santa Cecília, que planejava experimentá-lo por aproximadamente 4 semanas, sendo testado nas linhas 051 e 052 - Grande Circular 1 e 2.


Após mais de um mês de testes, a Viação Santa Cecília anunciou através do MOB Ceará que estava adquirindo o belo Comil, que a partir daquele momento, passaria a fazer parte da frota efetiva da empresa. Pouco tempo depois, as placa verdes (exclusiva para veículos experimentais) foram substituídas por placas vermelhas.


A empresa também anunciou que o veículo ganharia a nova pintura do SIT e que seria renumerado para 36418.


Antes de ocorrer a mudança, o MOB Ceará promoveu uma visita de busólogos à Viação Santa Cecília, encerrando com um passeio a bordo do Volvo B-270F.




Poucos dias depois da visita, o ônibus foi para a estufa de pintura para ganhar as novas cores, sendo preparado para um evento promovido pela Apavel, na nova Arena Castelão.


O evento, ocorrido no dia 10 de Outubro de 2014, recebeu, além do novo 36418, o recém adquirido ônibus articulado 36400.



Finalmente finalizado, o ônibus voltou as ruas, entretanto com o código operacional anterior, pois o processo de atualização do prefixo ainda não estava concluído junto à Etufor. Ele rodou com o prefixo 36488 por cerca de três dias.


Finalmente, após concluir a autorização junto ao órgão, o veículo passou a operar com o novo código, e circula até os dias de hoje da forma que está nas fotos a seguir.



Fonte : MOB Ceará
FOTOS  :  Diego de Souza Apolinário / Dornelles Vianna / Fabrício Furtado / Luciano Tavares /  Mob Ceara / Peterson Pedrosa /  Roger  Gomes .



UM POUCO DE FORTALEZA EM SÃO LUIZ - PARTE 3.

ALÉM DE TEREM O SISTEMA DE INTEGRAÇÃO EM COMUM , OUTRO PONTO É O MODELO DE VEÍCULOS UTILIZADOS.


Por Fortalbus 


Outro ponto em que os sistemas convergem é justamente o perfil de modelos de ônibus adotados, no caso, o de motorização dianteira e com a configuração de três portas, sendo a do meio utilizada exclusivamente em terminais. Isso facilita o remanejamento entre as empresas e não significa, necessariamente, em decréscimo da qualidade da frota ludovicense, pois há que se destacar alguns aspectos em termos de conservação dos veículos pertencentes às empresas da capital cearense. 






















Dentre as empresas maranhenses que reforçaram suas frotas com ônibus oriundos de Fortaleza, as empresas que adquiriram maior número de veículos foram as empresas: Trans Requinte (20). 



O Ciferal Turquesa Mercedes-Benz OF-1417 foi o antigo 02107 da Viação Fortaleza, atual 20-903 Trans Requinte
        

O Marcopolo Torino 2007 Mercedes-Benz OF-1418 foi o antigo 02712 da Viação Fortaleza, sendo o atual 20-905 Trans Requinte:


O Marcopolo Torino 2005 Mercedes-Benz OF-1418, que foi o 42507 da  Dragão do Mar, hoje é o atual 20-902 


O Marcopolo Torino 2005 Mercedes-Benz OF-1418 que foi o 42508 da Dragão do Mar, hoje é o atual 20-920 : 

 

O Marcopolo Torino 2005 Mercedes-Benz OF-1418 que foi o 42509 da Dragão do Mar, hoje é o atual 20-913 

 

O Marcopolo Torino 2005 Mercedes-Benz OF-1418 que foi o 42510 da Dragão do Mar, hoje é o atual 20-925 


O Marcopolo Torino 2005 Mercedes-Benz OF-1418 que foi o 42511 da  Dragão do Mar, hoje é o atual 20-923 : 

 

O Marcopolo Torino 2005 Mercedes-Benz OF-1418 que foi o 42512 da Dragão do Mar, hoje é o atual 20-912 :

 

O Marcopolo Torino 2005 Mercedes-Benz OF-1418 de prefixo 42514 na Viação Dragão do Mar é o atual 20-924 



FONTE  :  fortalbus.com.br
FOTOS  :  Antônio José V. Júnior / Danilo Santos / Gustavo Alfredo / Jean Lima / Vinicius Ferreira.